Trashédia

YOU WILL BE HAPPIER WITH LOWER STANDARDS

Etiqueta Lisboa

O CASAMENTO COMEÇA NO SOUTIEN | #trashediastoliyourlook

A  Pureza foi-me recomendada duas vezes: primeiro nas sugestões do Instagram, e comecei a segui-la, e depois por uma das pessoas que faz parte da equipa #trashediastoliyourlook, e eu disse que sim. Não conheço a Pureza de lado nenhum, não a fui investigar, não fui vasculhar nada sobre ela. Embora a internet hoje permita isso, preferi ir à descoberta, sem preconceitos. Fim de Maio e chove. Não há nada pior do que chuva quando já usámos roupas leves e pernas ao léu depois de um

Continuar a ler…

AEROPORTO COOL

Desde aquele filme com o George Clooney que é tipo, obrigatório ser super cool em viagem. É essencial levar apenas o essencial e ter todo o tipo de acessórios ultra mega desenhados para maximizar a experiência de viajar livremente, e ser prático e ser eficaz e ser uma super estrela que desliza pelos aeroportos super na boa, mesmo que não use as passadeiras rolantes. A cena é que de repente começou a haver controlos em todo o lado e ameaças terroristas latentes e polícia e

Continuar a ler…

O Papel Principal é Dela | #trashediastoliyourlook

Imaginem assim uma conversa que começa mil e uma vezes, que desata imensos assuntos, mas que nunca chega a dar laços nos atacadores e está atrasada para uma festa, vai para a rua com os sapatos por apertar e cai e esbardalha-se toda, mas depois desata a rir à gargalhada por causa da figura ridícula que acaba de fazer, chega à festa com os joelhos esfolados e a máscara das pestanas a escorrer cara abaixo de tanto rir, e é a Rainha Suprema. Apresento-vos Carina

Continuar a ler…

PERSONAL BRANDING AD INFINITUM

Hoje saiu o número 57 da revista WAD. Conheço a WAD muito a fundo porque o Bruno Collin é amigo da minha família francesa radicada em Barcelona, nomeadamente do Jean-Claude e da Charlotte Messana. E gosto da WAD porque é uma revista conceptual e porque é dos únicos objectos de “cultura urbana” que a explora de uma forma interessante e tentacular. A WAD teve uma das produções de moda mais maravilhosas de sempre, a qual foi do número 37, recentemente revisitado no seu website, o

Continuar a ler…