Trashédia

YOU WILL BE HAPPIER WITH LOWER STANDARDS

Etiqueta upcycling

CROSSFIT DAS MÃES

É Agosto. Já fui à praia. Em bikini. Mas para isto fazer assim algum sentido, explico aqui uma coisinha, que se sistematizou na minha cabeça uma vez que fui ao programa da Ana Rita Clara, o Faz Sentido, na SIC Mulher, com a Carolina Deslandes e a Adriane Garcia, no ano passado e isto porque a Carolina o disse, relativamente aos então seus dois filhos com menos de um ano de diferença entre eles: em dois anos fui Mãe duas vezes. E também adorava muito

Continuar a ler…

LIMPEZAS DE VERÃO

Por acaso ia escrever “caianças”, do verbo “caiar”, mas achei que se calhar era melhor não, porque pode que haja quem não sabe o que é caiar e ainda me caía tudo em cima. Em primeiro lugar, meux amygx, a TRASHÉDIA não morreu, não está morta, mas também não ressuscitou. Esteve em pausa. A vida assim o ordenou, e sendo a TRASHÉDIA uma extensão da vida, a pessoa obedeceu, sem remorsos. Regresso hoje com um tema que me é muito caro, que é muito caro

Continuar a ler…

Les FAST TALKS and The GFX Experience – my ModaLisboa Boundless

This one goes out in english, mostly because Patrick and Brooke have (since picking me up as an ambassador for the GFX event in Lisbon) been reading TRASHÉDIA in what they call Google portuguese, and that is quite scary!… It’s the Fast Talks at ModaLisboa Boundless and we’re sitting on the beautiful chairs at Sala Luís the Freitas Branco at CCB, in front of this ever growing crowd that edition after edition comes to listen and question us with the most amazing questions, and Patrick

Continuar a ler…