39

A última vez que vi coisas que me dessem vontade de gastar todo o meu dinheiro imaginário foi há duas semanas.
Continuo com pesadelos e insónias, porque precisava mesmo de ter estoirado todo o meu dinheiro no que se segue em imagem para poder dar o pontapé de saída literal na Primavera.
Com esta coisinha nos pés.
CLARO.
Com o sapato certo, tudo é possível. (Com o errado também, mas a sensação difere…!)

Estes são uns botins Balenciaga.
Calço um miserável 39.

Ainda assim, não me posso queixar, porque as minhas sandálias de sonho (sonho porque… será um sonho conseguir andar com elas em Lisboa…!) vieram até mim. Foi como se tivesse aprendido a esperar. (NOT) E são maravilhosas. Não me consigo fartar de olhar para elas nos intervalos da leitura de uma série infindável de livros que tenho aqui à minha direita…!
Tem sido difícil encontrar tempo para escrever aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *